Instituto de Mediação e Arbitragem de Portugal

A Mediação

Porque devo escolher a Mediação

Os critérios que os advogados e clientes devem tomar em consideração para escolher a mediação são os seguintes:

  • Posição e direitos equilibrados de ambas as partes;
  • Necessidade de sigilo e celeridade na solução do conflito;
  • Desejo de manter, melhorar ou, pelo menos, não deteriorar o relacionamento;
  • Compromisso afectivo muito importante com o problema, a ser resolvido num clima que contenha e canalize essas emoções;

Nos países onde a mediação funciona há muito tempo, uma percentagem superior a 70% dos casos que antes recorriam à justiça, é resolvida pela mediação.Nesses países já são incluídas nos contratos cláusula de obrigatoriedade de recorrer à mediação, em caso de não cumprimento ou problemas no cumprimento do contrato. Assim, muitas empresas preservam o sigilo e preservam o relacionamento com outras empresas, poupando tempo e dinheiro. Além disso, a inclusão da obrigatoriedade da mediação nos contratos de trabalho confere à empresa e ao funcionário a certeza de serem ouvidos e atendidos nos seus problemas.

Paginas: 1 2 3 4 5 6