Instituto de Mediação e Arbitragem de Portugal

Notícia do Diário Digital – Aprovado regime jurídico do processo de inventário

A Assembleia da República aprovou hoje por unanimidade a proposta de lei do Governo que aprova o regime jurídico do processo de inventário que visa simplicar os tramites legais e descongestionar os tribunais.
Segundo o Governo, esta medida, aprovada na generalidade, insere-se nas medidas de descongestionamento dos tribunais e visa simplificar o processo de inventário (conflitos relativos a heranças) e incentivar a utilização da mediação para resolver conflitos por acordo entre as partes, com o auxílio de um mediador.
Todas as bancadas parlamentares foram consensuais em considerar que estas alterações simplificam o processo de inventário que, segundo o secretário de estado da Justiça Joao Tiago Silveira «demora cerca de 30 meses a resolver» e que nos últimos anos «têm vindo a crescer a a acumular-se».
«Simplifica-se o processo de inventário, o qual visa resolver conflitos em matéria de heranças e é um dos mais morosos do sistema judicial».
Segundo a proposta do Governo, a sua tramitação passa a caber às conservatórias e aos cartórios notariais, tornando o processo de inventário mais célere.

Para consultar a notícia directamente no Diário Digital clique aqui

2 Comentários a “Notícia do Diário Digital – Aprovado regime jurídico do processo de inventário”

  1. marivone schmockel diz:

    Ótima notícia.

  2. Fernando Martins diz:

    Fantástico, que a mediação possa fazer parte da resolução de muitas embrulhadas que estão por resolver,pois os tribunais para, além de serem morosos custam muito caro.

    O país esta pobre e a justiça cada vez mais cara, o que leva a que os cidadãos deixem arrastar os processos de partilha de herança.

    Conheço muitos casos que estão no deixa andar, e muitos nem é bem pelos conflitos entre as pessoas envolvidas, também advém da burocracia registral e fiscal.

Escreva um comentário